O que é a verificação de CPF e CNPJ e por que executá-la com frequência?

Gestão
verificar cpf e cnpj

Sua empresa precisa vender para ter capital, comprar estoque, insumos e, ainda, fazer investimentos. Porém, de nada adianta organizar a sua estratégia comercial, se o cliente deixar de honrar seu compromisso. É por isso que você precisa verificar CPF e CNPJ.

A inadimplência é um problema claro para as empresas de todos os portes e segmentos de negócio. Quando atinge um nível elevado, é normal haver um desequilíbrio das finanças. Com isso, sua empresa pode ter problemas até para pagar colaboradores e fornecedores.

A consulta cadastral é a melhor forma de evitar as situações mencionadas acima. Por que é importante? Por que fazer a verificação de CPF e CNPJ? Quais informações monitorar? Essas são as perguntas que vamos responder neste artigo. Saiba mais!

Qual é a importância da consulta de dados cadastrais e informações de clientes?

Consultar os dados dos clientes deveria ser um procedimento comum, mas nem sempre é realizado pelos empresários. Muitos acreditam que a prática é importante apenas para grandes negócios ou que o investimento não vale a pena.

Esse é um grande engano. Verificar o CPF e o CNPJ dos clientes, pessoa física e jurídica, é a única forma de proteger a sua empresa e aumentar as vendas ao mesmo tempo em que busca reduzir a inadimplência.

Ao fazer a consulta ao CPF e CNPJ, você recebe informações sobre a capacidade de pagamento do cliente, verifica se existem quaisquer restrições em seu nome e tem acesso a outros dados para avaliar se a decisão de fechar o negócio é a mais correta. Com isso, você corre menos riscos e garante a saúde da sua empresa.

Por que verificar CPF e CNPJ de clientes com frequência?

A verificação de CPF e CNPJ deve ser realizada em todas as operações firmadas, especialmente naquelas com pagamento a prazo. O motivo é simples: ao conferir essas informações estratégicas, é possível avaliar cenários de concessão de crédito e proteger a sua empresa.

Além disso, muitos outros fatores mostram por que suas decisões devem ser tomadas com base em dados, em vez de “achismos”. Alguns dos benefícios é a melhora no relacionamento com clientes e a mitigação de fraudes e golpes. Confira, agora, outras vantagens que a verificação de CPF e CNPJ proporciona!

Prevenção da inadimplência

A análise do histórico do cliente deve ser feita antes da venda para ter mais garantia do recebimento dos valores. Desse modo, a inadimplência é reduzida e você tem dinheiro em caixa para fazer os investimentos necessários.

Prevenção de fraudes

Os fraudadores costumam passar documentos incorretos para fazer compras na sua empresa. Com o cartão de crédito, essas operações aumentaram. Para o seu negócio, isso representa a possibilidade até de ter vendas negadas, o que impacta diretamente o faturamento.

Oferta de melhores condições de pagamento

O relacionamento com os clientes pode ser fortalecido ao verificar seu CPF e seu CNPJ. Ao garantir o status positivo e o score de crédito elevado, fica mais fácil negociar o recebimento dos valores. Você pode parcelar em mais vezes, por exemplo. Isso tende a fazer o consumidor adquirir seus produtos ou serviços mais de uma vez e ajuda na fidelização.

Quais informações devem ser monitoradas?

A eficiência do monitoramento de CPF e CNPJ depende de uma consulta que vá além das informações iniciais de vendas e negociações. O ideal é gerenciar a carteira de clientes, ou seja, acompanhar e monitorar os dados financeiros para evitar perdas por inadimplência, aumentar as vendas e desenvolver bons relacionamentos.

Dentro da carteira, é importante definir quais compradores estão ativos e quantos estão inativos. Com os dados organizados, ainda fica mais fácil detectar riscos, como negativações e protestos, existência de outras dívidas em aberto, problemas com a situação fiscal da empresa-cliente etc.

Como fazer toda essa avaliação? É fundamental monitorar as informações adequadas. Veja quais são as principais!

Informações cadastrais

Esses dados são aqueles relacionados ao cadastro do cliente. Se for pessoa física, consiste em endereço, CPF, RG, nome completo, sexo, nome da mãe, e-mail, telefone e faixa de remuneração.

Caso seja pessoa jurídica, os dados mudam para razão social, data da abertura da empresa, nome fantasia, natureza jurídica, situação cadastro, Classificação Nacional de Atividade Econômica (CNAE), endereço, telefone e faixa de faturamento presumido.

Anotações de inadimplência

Os dados abrangem possíveis pendências financeiras, cheques sem fundo que o comprador passou em outras situações, indicação de protestos, pedidos de falência e recuperação judicial. Todas essas anotações sinalizam um risco grande na operação, já que o cliente pode deixar de honrar seu compromisso em dia e você ter que lidar com a inadimplência.

Classificação de risco

Essa categorização indica se o cliente é passível de aplicar golpes e fraudes ou ficar inadimplente. Além de verificar CPF ou CNPJ para ver se os dados cadastrais são condizentes e válidos, é importante conferir o score de crédito.

A partir da pontuação, que vai de 0 a 1000, é possível saber qual é a chance do cliente deixar de pagar a dívida. Essa nota varia conforme o comportamento de consumo do comprador.

Assim, se ele era um bom pagador, mas começa a ficar com débitos em aberto por problemas financeiros ou desemprego, por exemplo, o score de crédito dele cai e você sabe que deve ter um cuidado maior na hora de vender a prazo.

Quais soluções da Serasa Experian podem ajudar o seu negócio?

As soluções Serasa Experian permitem verificar CPF e CNPJ, mas também oferecem outras funcionalidades para sua empresa. Com o Monitoramento de Clientes, você analisa o comportamento dos compradores por meio de algumas informações.

Entre as principais estão as cadastrais, as anotações de inadimplência, a classificação de risco e os detalhes dos sócios e dos administradores, quando a negociação for com pessoa jurídica.

Você ainda pode gerenciar toda a carteira e acompanhar a evolução do risco e ver como ela é formada a partir de alguns critérios preestabelecidos. Assim, você verifica CPF e CNPJ, e ainda tem uma visão gerencial e clara para tomar decisões acertadas.

Agora você já sabe por que deve verificar CPF e CNPJ e o que fazer para fechar negócios mais seguros e menos arriscados. Então, que tal encontrar a ferramenta certa para o seu negócio?

Conte com a ajuda da Serasa Experian e aprimore o processo de análise de crédito. É só conversar com nossa equipe de especialistas e ver os resultados aparecerem!

Publicada em 19/02/2020 - Fonte: Serasa Experian
Gostou desse conteúdo?
Compartilhe: