Como monitorar o meu CNPJ? Veja como e por que fazer com a Serasa Experian

Gestão
como monitorar meu cnpj

Você tem dúvidas sobre como monitorar CNPJ e qual a importância disso? A estratégia é essencial para quem deseja proteger o negócio!

Muitos empresários desconhecem essa ferramenta, mas ela é pode ajudar a evitar complicações por fraudes, caso alguém utilize o documento da empresa de forma indevida. Também pode prevenir negativações.

O processo para acompanhar movimentações no seu CNPJ pode ser feito de forma facilitada com apoio de um bureau crédito, como a Serasa Experian. Vale a pena ficar por dentro dessa funcionalidade para reduzir riscos.

Quer saber mais? Então, confira o conteúdo que preparamos!

Comece a monitorar o seu CNPJ agora mesmo

A importância do CNPJ e por que cuidar bem dele

O CNPJ, ou Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica, é o documento que identifica as empresas no país. Muitos empreendedores trabalham na informalidade e, por diversos motivos ou falta de conhecimento, não fazem esse registro.

A atitude, é claro, prejudica o negócio e o crescimento dele. Afinal, ter um CNPJ agrega uma série de benefícios, como:

  • possibilidade de obter crédito;
  • emissão de notas fiscais;
  • possibilidade de ter melhores condições de compras e pagamentos.

Contudo, além de ter o registro na Receita Federal, é preciso cuidar bem do CNPJ da sua empresa. É por meio da pesquisa do documento que instituições financeiras e companhias de outros segmentos conseguem descobrir o perfil financeiro do seu negócio.

Ter uma boa imagem no mercado é importante para obter empréstimos com melhores condições, fazer compras a prazo, entre outras situações. Sendo assim, você deve acompanhar com atenção as finanças da empresa para evitar atrasos e inadimplência, que podem comprometer o seu CNPJ.

Benefícios de monitorar o seu CNPJ

O CNPJ é um documento de identificação que está presente em notas fiscais, contratos, entre outros, e ao fazer uma simples busca na internet com a razão social ou o nome fantasia, muitas vezes, é possível obter esse dado. Portanto, é necessário dar atenção ao documento para que ele não seja utilizado de forma indevida.

Redução de fraude

Um dos principais benefícios ao monitorar o seu CNPJ é reduzir fraudes e complicações decorrentes disso, como compras não pagas em nome da empresa. Ao acompanhar o seu documento, você recebe aviso em casos de solicitação de negativação e pode tomar atitudes mais rápidas e acertadas para que a dívida não entre no seu histórico e comprometa o seu perfil perante o mercado.

Facilita a contratação de crédito

A verificação do CNPJ é uma medida aplicada por companhias e instituições financeiras antes de liberar vendas a prazo ou conceder crédito. Com esse processo, elas conseguem avaliar o score do cliente e o risco de inadimplência — quanto maior o score menor a probabilidade estatística de inadimplência.

Ao monitorar o seu CNPJ, você é avisado em caso de solicitação de negativação e pode evitar que isso aconteça. Assim, o seu score não é prejudicado e você pode obter crédito com melhores condições.

Ter acesso a linhas de crédito, empréstimos e financiamento com juros baixos e um bom prazo de pagamento é algo bastante vantajoso, especialmente, em cenários desafiadores como o atual. Assim, se a empresa estiver passando por um período complicado, com pouca entrada de recursos, por exemplo, é possível utilizar essa estratégia para equilibrar o caixa, realizar pagamento de despesas e evitar complicações futuras.

Redução de insegurança ao mercado

Umas das principais inseguranças ao fazer um acordo comercial é a inadimplência. Tal fato é uma preocupação de empresas de variados portes e segmentos. Não é para menos, afinal, o atraso ou a falta de pagamento influencia a saúde financeira da companhia.

Diante disso, é comum que a política de vendas da empresa inclua a consulta ao CNPJ ou CPF antes da concretização do acordo para avaliar o risco, definir a forma de pagamento mais adequada e reduzir a inadimplência. Sendo assim, é importante estar com o documento em dia, sem dívidas ou protestos, para fazer bons negócios.

A melhor maneira de monitorar o seu CNPJ

Agora que você já entendeu os benefícios do monitoramento de CNPJ, deve estar se perguntando como fazer isso, não é mesmo? Para ter bons resultados, é fundamental o acompanhamento com frequência e em um local de confiança.

Se você fizer uma busca pela internet, provavelmente, encontrará sites para fazer a consulta gratuita de seu CNPJ. Mas, antes de incluir os seus dados, veja se ele é confiável. É necessário obter dados atualizados para adotar estratégias adequadas. Por isso, se você puder contar com uma empresa especializada, como a Serasa Experian, melhor ainda!

A Serasa Experian tem uma ampla base de dados que te ajudam a definir o perfil financeiro dos consumidores. Além disso, disponibiliza uma plataforma completa para quem deseja proteger e melhorar o negócio.

É possível consultar e acompanhar o CNPJ de seus clientes e monitorar o seu próprio CNPJ de forma automatizada — ou seja, não é preciso realizar a pesquisa todas às vezes, basta configurar os dados da empresa para ser avisado em caso de movimentações. Assim, você pode focar a sua atenção em outras obrigações do negócio enquanto é feito um monitoramento contínuo do seu CNPJ.

Principais funcionalidades do monitoramento de CNPJ da Serasa Experian

O processo pode ser feito de forma facilitada pela plataforma da Serasa Experian. Para realizar o procedimento, basta preencher o cadastro no site, informar o documento e escolher o plano mais adequado.

Há consultas gratuitas que permitem descobrir o seu score de crédito. Contudo, as funcionalidades não são tão abrangentes quanto a assinatura. No plano padrão, por exemplo, você consegue monitorar CNPJ e CPF, recebe avisos de solicitação de negativação e conta com um assistente contra fraudes.

Saber como monitorar seu CNPJ é uma atitude significativa para proteger o seu o negócio e manter um bom perfil financeiro no mercado. Como você viu, não é necessário investir muitos recursos para isso, pois o procedimento pode ser feito de forma facilitada com a ajuda da plataforma da Serasa Experian!

Publicada em 15/02/2021 - Fonte: Serasa Experian
Gostou desse conteúdo?
Compartilhe: