Por que o Score Serasa Experian é o mais completo e confiável?

Destaques
SCORE

Desde que a nova lei do Cadastro Positivo foi sancionada – em abril de 2019 – muito tem se falado a respeito de como essas novas informações podem beneficiar empresas e consumidores. Ao mesmo tempo, diversas dúvidas começaram a aparecer, como por exemplo, por que o resultado do score diverge em diferentes birôs. Exatamente por isso, traçamos um raio X para responder as principais questões relacionadas a isso e mostrar por que o score da Serasa Experian é o mais completo e confiável de todos.

Afinal, o que é o score?

É um modelo estatístico que reflete o comportamento e hábitos da vida financeira de negócios e pessoas. Ou seja, quem tem uma boa pontuação tende a ser visto pelo mercado como uma empresa ou consumidor apto a receber melhores ofertas e condições na hora de fazer um financiamento, por exemplo. E o Cadastro Positivo deve intensificar esse processo.

Por que o score do CPF/CNPJ muda dependendo do birô de crédito?

Essas divergências acontecem porque cada birô tem sua própria fórmula para elaborar o score, que muda de acordo com o tamanho e amplitude de suas bases de dados.

E por que o score da Serasa Experian é o mais completo e confiável?

Simples. Porque temos uma das bases de dados mais sólidas do mercado – a maior da América Latina – que foi alimentada e vem crescendo ao longo de décadas. Assim, acessamos uma quantidade maior de informações que os demais birôs e esse volume superior, aliado à aplicação de tecnologia e expertise global para calcular o Serasa Score, faz com que as nossas pontuações de crédito sejam as mais precisas e confiáveis do mercado.

O que influencia o Serasa Score?

Nosso score é uma fórmula completa que une informações como dados cadastrais, dados de inadimplência, consultas em seu CPF na Serasa e também dados do Cadastro Positivo. De maneira bem simplificada, dados do Cadastro Positivos são aqueles que mostram seu histórico de crédito e seus hábitos de pagamento (em dia ou em atraso). Eles consideram os compromissos assumidos e os pagamentos realizados por empresas e consumidores. Já os dados de inadimplência são as informações sobre a ausência de pagamento, ou seja, informações sobre dívidas vencidas não pagas de empresas e consumidores.

Falando em score, quer saber como melhorar o seu?

Se você tem Cadastro Positivo ativo, uma forma de aumentar seu Serasa Score é pagar as parcelas de seus empréstimos, financiamentos e faturas dos cartões de crédito no prazo. Quando você não paga suas obrigações em dia, você pode ser negativado e a sua pontuação cai. E mesmo que você volte a pagar tudo em dia, lembre-se que a recuperação da pontuação não é imediata e faz parte de um processo de mudança de comportamento. Leva algum tempo para que o mercado volte a confiar na sua capacidade de pagamento e seu score aumente.

Como o score ajuda nas análises de crédito?

Unindo todas as informações do score, você pode fazer avaliações de risco mais consistentes e aprofundadas na concessão de empréstimos, financiamentos, venda a prazo ou outras transações com risco financeiro, conseguindo, inclusive, adequar suas ofertas à capacidade de pagamento de quem você está negociando.

E onde entra o Cadastro Positivo nisso tudo?

Ele viabilizará a inclusão de pessoas que hoje não conseguem ter acesso formal ao crédito com um incremento da taxa de aprovação associada à redução da inadimplência. Essa é uma estimativa baseada em exemplos de outros países que implementaram esse modelo de avaliação. Os ganhos de performance observados nesses locais giram em torno de melhoria de indicadores de produtos, de inadimplência e, consequentemente, de scores de crédito.

Em números, o que isso quer dizer?

Significa que o Cadastro Positivo pode favorecer cerca de 137 milhões de brasileiros, promover a inclusão de aproximadamente 23 milhões de pessoas no mercado de crédito e injetar até R$ 1,3 trilhão na economia.

Conte com a Serasa Experian!

Somos especialistas no assunto e compartilhamos nossa expertise com os clientes e o mercado com o objetivo de ampliar o entendimento dos principais aspectos associados à adoção do Cadastro Positivo no score de empresas e pessoas. Nesse sentido, conduzimos estudos para dimensionar a extensão das contribuições do Cadastro Positivo para a economia brasileira nos próximos dez anos.

Um dos parâmetros dessa análise levou em conta experiências internacionais que já demonstram como este modelo de avaliação de risco consegue mudar a racionalidade e a dinâmica da operação do mercado de crédito, favorecendo a queda da inadimplência e a inclusão financeira, além de incentivar um patamar de juros mais baixos.

De acordo com os estudos da Serasa Experian, cerca de 2,5 milhões de micro, pequenas e médias empresas poderão ter acesso ao crédito com o novo Cadastro Positivo. Trata-se de 23,6% do total das MPMEs ativas na Receita Federal. A expansão de crédito projetada para as pessoas jurídicas desses portes deve chegar a 35%, alcançando cerca de R$ 512 bilhões segundo o Banco Central. O incremento de recursos na economia poderá atingir até R$ 180 bilhões.

Publicada em 14/02/2020 - Fonte: Serasa Experian
Gostou desse conteúdo?
Compartilhe: