Inovação em pequenas empresas: como reinventar seu negócio?

Negócios
inovação em pequenas empresas

Diante de um cenário desafiador como o atual, é importante pensar em estratégias para superá-lo, e nesse caso, apostar na inovação em pequenas empresas se torna uma boa solução. Há diversas metodologias que podem ser aplicadas para ampliar a atuação da sua empresa, adequá-la a essa nova realidade e melhorar os resultados.

O uso de ferramentas tecnológicas para otimizar as tarefas, reduzir erros e garantir mais produtividade, por exemplo, é uma delas. Quer saber mais sobre o assunto e entender como inovar no seu empreendimento? Então, continue a leitura!

A importância da inovação em pequenas empresas

Alguns empresários devem imaginar que a inovação é voltada apenas para grandes companhias que contam com alto poder de investimento para isso. Contudo, a estratégia também pode, e deve, ser aplicada em pequenos negócios.

A sociedade e o mercado seguem em constante mudança e é fundamental que a empresa acompanhe esse processo para atender os interesses e as expectativas dos seus consumidores. Décadas atrás seria difícil imaginar que produtos poderiam ser vendidos fora de seus pontos de venda, não é mesmo? Entretanto, hoje em dia as compras são feitas por computador ou smarphone de qualquer local. As companhias que entenderam esse cenário e se adequaram a ele, saíram na frente da concorrência.

As vantagens da inovação não estão relacionadas apenas ao setor de varejo, é possível utilizá-la em negócios de variados segmentos e conquistar benefícios como:

  • competitividade;
  • valor agregado aos produtos e serviços;
  • satisfação do cliente;
  • produtividade.

Empresários que não se adaptam à realidade da sociedade correm o risco de perder clientes, ter uma queda no faturamento e até fechar o negócio. Por isso, a inovação em pequenas empresas é tão importante.

Quais as metodologias que podem ser usadas

Quando se fala em inovação em pequenas empresas, ela não precisa estar ligada a uma única ideia que muda os rumos do negócio. Tal fato, ainda inclui a adoção de metodologias para otimizar processos e aumentar a competitividade, soluções para atrair novos consumidores, entre outras ideias. Veja abaixo algumas sugestões.

Criação de novos produtos

A alteração no portfólio é uma das dicas de inovação em pequenas empresas, o que pode incluir a criação de novos produtos ou alterações nos atuais, como uma mudança na embalagem para deixá-la mais atrativa e alinhada com o perfil do consumidor.

O lançamento de um novo produto pode contribuir para a atração de clientes e para o crescimento da empresa, mas ele deve ser planejado com atenção. Alguns pontos para avaliar são:

  • oportunidades de mercado;
  • interesses e expectativas do público-alvo;
  • recursos financeiros e de equipe para a produção;
  • ações de divulgação.

Além desses fatores, é fundamental definir os objetivos com a estratégia, o posicionamento e os canais de distribuição do novo produto.

Otimização de processos

A tecnologia é uma ótima aliada para negócios de variados portes e é positiva para economizar na pequena empresa. As soluções tecnológicas otimizam as tarefas, reduzindo o tempo gasto nas atividades e as falhas, o que contribui para o orçamento.

As ferramentas tecnológicas ainda ajudam com gestão de estoque, por exemplo, para garantir a reposição de produtos, evitar itens obsoletos ou vencidos. Além disso, é possível implementar inovações:

  • na gestão financeira;
  • no processo de produção;
  • no atendimento ao cliente;
  • na análise de dados;
  • para o treinamento da equipe
  • entre outras ações.

Utilização de estratégias de marketing

Ferramentas de marketing são essenciais para qualquer negócio. Afinal, elas são responsáveis pela divulgação de produtos e serviços e pelo relacionamento com os clientes.

Nesse sentido, uma inovação que pode ser vantajosa para pequenas empresas é o uso de marketing digital. A ferramenta é bastante flexível e pode ser adaptada para negócios de variados segmentos e orçamentos. Além da presença virtual, com sites e redes sociais, o marketing digital inclui ferramentas de anúncios, produção de conteúdo para atrair consumidores e manter um relacionamento com eles, entre outras ações.

Como aplicá-las para o crescimento do negócio

Como vimos, há diversas metodologias que podem agregar inovação em pequenas empresas. Contudo, o que funciona para um negócio não será, necessariamente, útil para outros.

Alguns empresários tentam copiar inovações de grandes empresas, ou de concorrentes, mas não atingem os objetivos desejados devido à falta de recursos financeiros e de especialização, por exemplo. Por isso, a recomendação é analisar atentamente o negócio para definir a melhor estratégia.

É preciso entender a situação atual da empresa, avaliando o desempenho da equipe, resultados de vendas e marketing, portfólio de produtos, falhas e oportunidades, entre outros dados. A matriz SWOT é uma boa ferramenta para isso, assim você consegue analisar as condições internas, detectar problemas e tomar decisões mais acertadas.

Se o objetivo for realizar uma mudança mais significativa, outra ferramenta que pode ser útil é o Modelo Canvas. Esse modelo de negócio tem uma apresentação visual que facilita a análise dos dados e ajuda a tirar uma ideia do papel. Essa metodologia é construída em blocos que incluem dados como: atividades-chave, parcerias, recursos, oferta de valor, relacionamento, canais, clientes, custos e fontes de receita.

Ao preencher cada um dos blocos você terá dados mais precisos para avaliar os riscos, analisar oportunidades, amadurecer a sua ideia e tomar decisões estratégicas, como o lançamento de um novo produto ou mudanças na marca.

Antes de aplicar as mudanças, é importante ter em mente que pode haver uma certa resistência por parte dos consumidores e até dos membros da equipe. Esse é um comportamento normal, já que a situação tira as pessoas de sua zona de conforto.

Se possível, procure testar a ideia com um grupo de consumidores para avaliar opiniões e evitar alta taxa de rejeição. Em relação às alterações internas, a dica é ser transparente com a equipe e investir em treinamentos e ações de comunicação para que todos entendam as inovações e os seus benefícios.

Essas são algumas dicas sobre inovação em pequenas empresas. A estratégia pode agregar resultados positivos para o negócio, porém, é fundamental buscar conhecimento e planejá-la com atenção para reduzir os riscos e alcançar os objetivos.

Gostou do artigo? Quer saber mais sobre administração de negócio? Então, confira o nosso post com dicas para a gestão de pequenas e médias empresas!

Publicada em 06/05/2020 - Fonte: Serasa Experian
Gostou desse conteúdo?
Compartilhe: