[ Infográfico] 5 passos para um fluxo de caixa estratégico

Gestão
fluxo de caixa estratégico

fluxo de caixa

O controle de fluxo de caixa é decisivo para a saúde financeira do negócio. Contudo, nem sempre as empresas dão a atenção que ele merece. Veja a seguir, como cuidar bem da sua movimentação financeira!

1.Mantenha uma rotina de acompanhamento

Fluxo de caixa demanda acompanhamento constante. Por isso, não deixe de registrar instantaneamente seus recebíveis, sejam a prazo ou aqueles pagos à vista. Registre, ainda, todas as suas despesas fixas e custos variáveis.

2.Treine os funcionários

A verdade é que um bom controle começa pelas mãos dos operadores de caixa. Portanto, não deixe de investir em treinamento, para que cada um possa não só operar bem, mas ser capaz de solucionar eventuais problemas e dar feedbacks construtivos.

3.Organize as despesas criteriosamente

No fluxo de caixa, você deverá aprimorar seus mecanismos de controle, categorizando cada tipo de entrada. Para isso, o ideal é contar com um software de gestão apropriado ou, na falta dele, recorrer a planilhas online, que podem ser as do Google ou Microsoft.

4.Automatize processos

Se puder, não deixe de investir em automação. Você evita retrabalho, a falha humana e, de quebra, ganha mais agilidade e libera mão de obra para tarefas mais nobres. Converse com seu setor de TI sobre a possibilidade de um sistema ERP integrado a um software.

5.Controle a inadimplência

Sem um controle dos pagamentos realizados, fica difícil mensurar se seu fluxo de caixa é positivo ou negativo. Nesse aspecto, o indicado é fazer também a gestão da inadimplência, preferencialmente com as soluções Serasa Experian!

Gostou do conteúdo? Compartilhe em suas rede sociais!

Publicada em 05/07/2019 - Fonte: Serasa Empreendedor
Gostou desse conteúdo?
Compartilhe: