Dicas de atendimento ao cliente para microempresas

Relacionamento com o cliente
Empreendedor negro cumprimentando seu cliente

Quando os profissionais liberais percebem a evolução dos resultados de suas atividades e sentem a necessidade de desenvolver ainda mais o negócio, é normal que surjam muitas dúvidas. Geralmente, esses questionamentos englobam desde a parte administrativa, passando pelo marketing até chegar ao relacionamento com os consumidores. E como é justamente o público o fator mais essencial para o crescimento de qualquer empresa, resolvemos dedicar este post inteiramente a dicas de atendimento ao cliente.

Ao longo dos próximos tópicos, você conhecerá algumas das principais metodologias para lidar com o público e gerar mais oportunidades de negócios, ainda criando as condições ideais para a fidelização dos clientes. Acompanhe!

Profissionalize o atendimento

laranjas cortadas, sendo uma rosa por dentro, que significa que cada cliente tem um problema único e diferente e precisa que seu atendimento seja personalizado.
Cada cliente é único, personalize o seu atendimento.
Seja para tratar de novos negócios ou para resolver algum problema relacionado a um produto ou serviço que adquiriram, é bastante comum que os clientes de um profissional liberal queiram sempre falar diretamente com ele. Também é habitual, porém, que os empreendedores passem a maior parte do dia ocupados demais para prestar o devido atendimento conforme sua base de consumidores cresce.

Com esse cenário em mente, responda: você chegou naquele ponto em que não consegue mais atender os clientes como gostaria sozinho? Que tal avaliar a contratação de um assistente ou atendente para garantir que os clientes sempre terão o suporte que merecem?

Ofereça personalização e flexibilidade

Sejam formalizados ou não, os profissionais liberais normalmente têm uma estrutura enxuta, que permite o estabelecimento de uma relação mais próxima com os clientes. Use isso a favor do seu público, procurando prestar um atendimento mais personalizado! E não basta ser solícito. É preciso usar os princípios da empatia, entendendo exatamente quais são as necessidades do público a fim de fornecer todas as informações que ele demanda.

Procure sempre agir com rapidez

Jamais deixe o consumidor esperando por uma resposta. Procure atender qualquer que seja a demanda com rapidez, mas nunca de forma apressada — já que isso pode causar a impressão de que você, na verdade, não quer atendê-lo.

Conheça bem os produtos ou serviços

Como explicamos em um tópico anterior, a informação é parte essencial do bom atendimento. Por isso, é crucial se certificar de que você e sua equipe estão preparados para responder aos mais diversos tipos de dúvida sobre as particularidades dos produtos e serviços que oferecem. É a firmeza nessas respostas que passa segurança aos clientes, mostrando o quão competente você é na sua área de atuação, além de ajudar a determinar o quanto eles podem confiar no seu trabalho.

Contrate um sistema CRM

várias pessoas com tenis e calçados diferentes, o que indica o potencial de um CRM em classificar e entender cada cliente.
CRM – se relacione com seus clientes entendendo cada um como único.
Um Customer Relationship Management (CRM) é um software especializado no gerenciamento do relacionamento com o consumidor, permitindo a centralização de todas as informações referentes a seus contatos e das interações que eles tiveram com você, desde uma troca de e-mails até uma compra realizada. Esse recurso vai organizar melhor sua base e facilitar a administração do tipo de acompanhamento que cada cliente precisa.

Acompanhe de perto a satisfação

É sempre importante procurar saber se sua empresa agradou ou se deixou a desejar de alguma maneira. Também chamado de follow up, esse acompanhamento demonstra sua preocupação com a satisfação dos clientes, além de revelar pontos fortes e motivar sugestões sobre o que é preciso melhorar. Faça uma ligação ou envie um e-mail algum tempo depois de uma compra ou da prestação de um serviço, mostrando-se interessado em sua opinião e realmente dando valor ao que o consumidor tem a dizer.

Seja transparente

Seja o mais transparente possível. Acredite: isso faz parte da reputação que você cria para seu trabalho. Permita também que o cliente entenda como seu negócio funciona, desde que isso não prejudique suas operações, sendo sempre sincero e verdadeiro no que diz respeito a detalhes como prazos e custos. Essa é uma maneira de aumentar a proximidade com os clientes e intensificar a identificação deles com a sua empresa.

Invista no e-mail marketing

O e-mail marketing é uma forma de manter um bom relacionamento com sua base de clientes. Você pode fazer envios periódicos com conteúdos interessantes, novidades sobre o mercado em que atua e até promoções, de modo a estreitar essa relação. Para quem ainda não tem uma lista de contatos muito extensa, vale dar uma olhadinha nas opções de ferramentas disponíveis por aí — algumas inclusive com planos gratuitos.

Use a linguagem apropriada

Outro requisito básico para a prestação de um bom atendimento é conhecer bem seu público-alvo. É com esse conhecimento em mente que você saberá o melhor modo de se comunicar com ele. Se você mantém uma comunicação com linguagem informal quando seu cliente espera mais seriedade e formalidade, por exemplo, pode prejudicar a imagem da empresa.

Faça bom uso das redes sociais

As redes sociais são excelentes meios de recebimento de feedbacks, além de serem ótimas plataformas para conhecer as dúvidas mais recorrentes do seu público. Mas não basta só olhar, viu? É preciso interagir! Responda aos comentários o mais rapidamente possível para demonstrar sua dedicação aos clientes e, quando não puder resolver a questão facilmente, sugira continuar o assunto por um meio mais pessoal, como via mensagem ou e-mail.

Prometa apenas o que pode cumprir

Ainda seguindo um pouco do princípio da transparência, a dica aqui é nunca fazer falsas promessas. Tudo bem que é normal querer sempre agradar o cliente, mas o descumprimento de prazos ou a quebra de compromissos são atitudes que só geram frustração e desconfiança nos consumidores.

Cuide adequadamente dos canais disponibilizados

Ao longo do post, citamos diversos possíveis canais de atendimento, como telefone, e-mail e redes sociais. Por mais que cada um tenha sua importância, eles não necessariamente precisam fazer parte da sua estratégia de atendimento — especialmente se você não tiver condições de cuidar de todos igualmente. Um canal abandonado demonstra desleixo, afastando os clientes da empresa.

Se você deseja que seu negócio tenha um crescimento saudável, procure seguir essas dicas de atendimento ao cliente. Além de melhorarem a experiência dos consumidores, essas medidas aumentam as chances de mantê-los fiéis a seus produtos e serviços. Não parece o ideal?

Por fim, se gostou deste post e acha que ele pode ser útil para outros profissionais liberais melhorarem seu relacionamento com o cliente, então que tal compartilhá-lo nas suas redes sociais?

Publicada em 01/10/2018 - Fonte: Serasa Empreendedor
Gostou desse conteúdo?
Compartilhe: